sexta, 06 de dezembro de 2019
X

ÚLTIMAS NOTÍCIAS / Mundo

Poucos dias antes de trégua, repressão do regime sírio faz ao menos 89 mortos neste sábado

Segunda-feira, 09 de abril de 2012


Ao menos 89 pessoas, entre elas cinco crianças e três mulheres, morreram neste sábado pela repressão do regime de Bashar al Assad em diferentes pontos da Síria, apesar da visita de uma equipe de observadores da ONU, conforme os opositores Comitês de Coordenação Local. O grupo destacou que ao menos 53 pessoas morreram na província de Hama, a maioria na localidade de Latmaneh, em "um massacre" cometido pelas forças governamentais. O porta-voz dos Comitês, Emad Hossary, membro do Conselho Nacional Sírio, o principal grupo da oposição, disse à Agência Efe que ao menos 41 pessoas morreram em Latmaneh "pelo forte bombardeio da artilharia" do regime. Após o bombardeio, que causou o desmoronamento de várias casas com os moradores dentro, grupos de "shabiha" (pistoleiros) invadiram a localidade. Os Comitês denunciaram que ao menos 20 pessoas morreram em Homs (centro), a maioria no bairro de Deir Baalbe na capital homônima da província; 13 na periferia da Aleppo (norte); e uma em Deraa (sul) e em Duma, nos arredores de Damasco. Enquanto isso, a cidade de Al Rastan, na província de Homs, é hoje palco de violentos confrontos entre as forças armadas e o opositor Exército Sírio Livre (ELS), revelou à Agência Efe o "número dois", Malek Kourdi.

Fonte: UOL

 Outras Notícias

Horário de Atendimento: Horário de Atendimento: De segunda á sexta-feira, das 08h00 ás 12h00 e 13h00 ás 17h00.
Av. Francisco Siqueira Kortz, 471 - São Cristóvão - 84250-000
(42) 3278-8100